Agora é a vez da Zona Oeste! Inscreva-se na maratona Rio Criativo em Santa Cruz – RJ Criativo

Agora é a vez da Zona Oeste! Inscreva-se na maratona Rio Criativo em Santa Cruz

Você tem uma ideia incrível para desenvolver na sua comunidade local mas não sabe como tirá-la do papel? Quer fazer isso impactando positivamente, envolvendo os moradores do seu bairro ou da sua região? A Maratona Rio Criativo chega ao bairro de Santa Cruz e à Zona Oeste para provocar, conectar e dar ferramentas aos criativos que querem desenvolver seu negócio a partir da economia local. Serão três dias com seis oficinas “mão na massa” facilitadas por profissionais da inovação.

Santa Cruz possui uma economia bastante diversificada, com áreas rurais, uma importante zona industrial e um comércio que tem crescido nos últimos anos. O bairro é sede de 7 maravilhas reconhecidas por lei: o Hangar do Zeppelin, a sede do Batalhão Escola de Engenharia (Villagran Cabrita), as Ruínas do Matadouro, a Ponte dos Jesuítas, a Matriz de Nossa Senhora da Conceição, a Cidade das Crianças e a Catedral das Assembleias de Deus. Um ecossistema com muito potencial para ser ativado por quem mora na região e nos arredores!

As comunidades locais estão cada vez mais inovando a partir da criatividade, com baixo custo e grandes soluções. Vamos fazer tudo isso de forma alinhada ao nosso propósito, criando e desenhando um negócio social e aprendendo a inovar na gestão sem deixar de ser eficiente. Para que o impacto ambiental e social aconteça de maneira contínua, vamos fazer um planejamento estratégico, mapear e articular comunidades, mobilizar e gerenciar recursos e aprender usar o turismo de base comunitária para fortalecer quem mora, vive e trabalha na região.

Um último motivo para vir à Maratona? O Rio de Janeiro ocupa a segunda colocação no país entre as cidades com mais profissionais criativos e os salários da economia criativa são 2,5 vezes maiores do que no mercado tradicional. O que você está esperando? Inscreva-se já!

Para fazer sua inscrição, clique no título da oficina que tem interesse em participar, logo abaixo:

Dia 1
21 de março
Oficina 1 // 10h – 14h
Negócios sociais: do propósito ao protótipo com Priscila Gama

É possível ganhar dinheiro e impactar positivamente ao mesmo tempo? Os negócios sociais combinam viabilidade econômica e preocupação social e ambiental gerar renda e autonomia financeira ao empreendedor sem deixar de resolver problemas locais.

Mas como transformar problema em oportunidade? Nessa oficina, você vai entender o que são negócios sociais e como é possível empreender partindo de soluções para questões que realmente importam pra você e sua comunidade.

Vamos passar pelas fases de ideação e prototipação com ferramentas e exercícios mão na massa para que sua solução se torne um projeto.

O que você leva?

  • Ferramentas de ideação e criatividade
  • Entendimento do seu público-alvo
  • Planejamento de protótipo de solução


Pra quem é?

  • Quem sonha em empreender e não sabe por onde começar
  • Empreendedores criativos e sociais
  • Agentes da mudança dos segundo e terceiro setores


Sobre a facilitadora:
Priscila Gama
Perfil LinkedIN https://www.linkedin.com/in/priscila-gama

Considerada a mulher negra mais influente do Estado do Espírito Santo, é um expoente do enfrentamento às violências contra a juventude e às mulheres negras através da cultura e empreendedorismo. Ativista e Empreendedora Social, Consultora Jurídica especialista em Direito Público e Direitos Humanos, Mestranda em Sociologia Política, Pesquisadora e Movimentadora da Economia Criativa Afrocentrada e Periférica, Priscila Gama coordena 12 Projetos de Ação Afirmativa e Presidente do Instituto Das Pretas.Org. TEdx Talk Speaker, Já fez trabalhos com o SEBRAE, ColaborAmérica, Rede Mulher Empreendedora, Bankoo, Atitude Inicial, Fábrica Lab, UFES, UVV, Instituto Feira Preta, STEX VIX e outros.

 

Oficina 2 // 15h – 19h
Gestão de negócios sociais com Thaís Ferreira

Trabalho em rede e parcerias com grupos locais, cuidado com a cadeia produtiva (seleção e avaliação dos fornecedores), gerenciamento do impacto ambiental e articulação com as políticas públicas são algumas das práticas que o empreendedor social deve saber gerenciar. Nessa oficina, você vai entender como se dá a gestão e a governança de organizações focadas em impacto social, como crescer de maneira sustentável gerando múltiplo impacto.

O que você leva?

  • Ferramentas de implementação e execução
  • Práticas inovadoras de gestão e governança
  • Noções de escalabilidade e replicabilidade
  • Introdução a metodologias ágeis
  • Práticas inovadoras para tocar um negócio de impacto social


Pra quem é?

  • Sonha em empreender na área e não sabe por onde começar
  • É empreendedor criativo e social
  • É um agente da mudança dos segundo ou terceiro setores
  • É de ONGs, cooperativas ou associações


Sobre a facilitadora:
Thaís Ferreira
Perfil LinkedIN: https://www.linkedin.com/in/thais-ferreira-b6533b54/

Empreendedora e profissional de transformação digital e inovação social, Thaís Ferreira trabalha com desenvolvimento de negócios há pelo menos 8 anos, com foco em tecnologia e solução de problemas complexos. De 5 anos para cá oferece apoio gratuito ou com baixo custo para empreendedores populares/periféricos. Tem formação na área de impacto social pelo Social Good Brasil, Artemisia e Insper e certificação em inovação e estratégia pelo MIT. Para além dos conhecimentos validados, ela construiu seu aprendizado prático desde cedo como empreendedora com o pai que foi camelô na praia, com quem vendeu churrasquinho na rua, e mais tarde vendeu suas artes na escola além de ser dona de um foodtruck. Atuou em organizações como Mãe&Mais, CRIA, Brincalalá, MUSIVA, e Humana Sustentável. Tem experiência em Pesquisa & Desenvolvimento, Ensino, Inovação e Startups, e já palestrou nos eventos/organizações SGB, BLAST!U, TEDxSP, UCAM, IFRJ, CEFET/RJ, IFRJ, CTO, GRUPO GLOBO, GOOGLE, UERJ.

 

Dia 2
22 de março
Oficina 3 // 10h – 14h
Planejamento estratégico para pequenos negócios com Thales Aquino

Você sabe o que é estratégia? Diferente de objetivos, missão e visão, a estratégia é a forma como um se toma decisões, planeja e operacionaliza suas atividades. Nesta oficina, você vai aprender ferramentas e métodos para montar um plano estratégico para o seu projeto ou negócio.

O que você leva?

  • Entendimento sobre o que é um planejamento estratégico e como fazê-lo;
  • Aprendizado sobre definição de missão, visão e valores de um negócio;
  • Capacidade de identificar forças, fraquezas, oportunidades e ameaças pro seu negócio;
  • Capacidade de definir objetivos, metas e plano de ação.


Pra quem é?

  • Empreendedores criativos muito focados na execução de seus produtos e serviços;
  • Quem tem dificuldade com os aspectos mais objetivos de gerir um negócio.
  • Pra você que não entendeu nada, mas quer passar a entender 😉


Sobre o facilitador:
Thales Aquino
Perfil LinkedIN: https://www.linkedin.com/in/thalesaquino/

Facilitador e (intra)empreendedor em Design Thinking, Visual & Service Design. Tem 14 anos de experiência nas áreas de Design, Comunicação e Marketing estratégicos, no México e no Brasil, onde atuou com gestão de projetos e planejamento.

É Mestre em Design pela Universidad Iberoamericana, Cidade do México; Designer pelo Centro Universitário da Cidade, Rio de Janeiro; e Intercambista pela PUC Chile, Santiago do Chile. Foi consultor senior de inovação na MJV Technology & Innovation, e em 2016 fundou a Detsō Consultores, onde é diretor criativo e consultor associado.

Oficina 4 // 15h – 19h

Criação e gestão de comunidades Guto Gutierrez e Jota Marques

Empreender muitas vezes é um ato solitário. Quando falamos de negócios sociais e empreendedorismo de impacto, então, nem se fala. São muitos os desafios. Como tornar essa jornada mais coletiva e mobilizar pessoas em torno da sua ideia? Nessa oficina, você vai aprender a se articular em rede para resolver problemas que importam para todos e a gerir bem uma comunidade para potencializar o impacto do seu negócio.

O que você leva?

  • Ferramentas e práticas de criação e gestão de comunidades
  • Estratégias de mobilização e engajamento de pessoas
  • Desenvolvimento de uma atitude mais empreendedora e colaborativa


Pra quem é?

  • Empreendedores criativos e sociais que querem ampliar seu impacto
  • Agentes de mudança que se sentem solitários em sua jornada empreendedora ou intraempreendedora


Sobre os facilitadores:
Guto Gutierrez
Perfil LinkedIN: https://www.linkedin.com/in/augusto-gutierrez-22966514/

Educador, consultor e facilitador de processos. Há 13 anos atua com desenvolvimento organizacional, programas de aprendizagem e inovação social. Vem transformando seu olhar e atuação no mundo a partir do estudo da Fenomenologia de Goethe e colabora com organizações que atuam em rede, com foco em aprendizagem criativa, como Perestroika, CoCriar, Instituto Pares e Art of Hosting Network. É biólogo, adora cozinhar, apreciar a natureza, ouvir e contar histórias, conhecer pessoas e aprender coisas novas.

 

Jota Marques
Perfil LinkedIN: https://www.linkedin.com/in/jotamarquesrj/

Educador popular, gestor de projetos educacionais e mobilizador comunitário. Há 8 anos desenvolve projetos de educação crítica e criativa com a infância e a juventude em territórios marginalizados, com experiência em instituições de base comunitária, sistemas socioeducativos e movimentos sociais no Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo. Esteve à frente da Agência Cidade de Deus de Desenvolvimento Local e é fundador da Escola Margem, primeira experiência de formação de educadores populares da Cidade de Deus, onde é morador.

 

Dia 3
23 de março
Oficina 5 // 10h – 14h
Mobilização e gerenciamento de recursos com Larissa Novais e Paola Belchior

Projetos e negócios precisam de recursos para sair do papel – isso é certo. Mas será que somos capazes de enxergar todos os que estão ao nosso alcance? Nessa oficina, você vai reconhecer as diferentes naturezas dos seus recursos (cultural, ambiental, social e financeira), saber usar as novas e as tradicionais formas de financiamento para mobilizá-los e aprender a gerenciá-los para que suas ideias não só aconteçam, mas continuem viáveis durante muito tempo!

O que você leva?

  • Um novo jeito de olhar para seus recursos
  • Ferramentas de mapeamento e mobilização de recursos
  • Aprendizados práticos sobre novas formas de financiamento
  • Noções de como organizar e gerir bem os seus recursos


Pra quem é?

  • Empreendedores criativos e sociais
  • Quem quer tirar um projeto do papel mas sente que não tem os meios adequados e suficientes


Sobre as facilitadoras:
Larissa Novais
Perfil LinkedIN https://www.linkedin.com/in/larissa-novais/

Formada em Comunicação & Produção Cultural e atua com tecnologia e financiamento coletivo há 4 anos na Benfeitoria. Ao longo desses anos, colecionou uma grande experiência com gestão de comunidade, captação de projetos com recorde de arrecadação e palestras sobre crowdfunding pelo Brasil. Produziu um projeto chamado “Tô na Rua, mas não sou sua”, uma intervenção urbana que fala sobre o assédio sexual sofrido pelas mulheres cotidianamente nos espaços públicos. Foram mais de 9.000 acessos únicos com R$ 7.915 arrecadados (106% da meta) em duas semanas.

 

Paola Belchior
Perfil LinkedIN https://www.linkedin.com/in/paolabelchior/

Administradora com foco empresarial formada pelo IBMEC. Participante do grupo Young Leaders of the Americas Initiative – YLAI, participante do Programa Prolider 2017. Pós-graduanda em Políticas Públicas para desigualdade na América Latina pela Clacso. Atuação profissional Atuação voluntária na Educafro, consultora de diversidade, gestão de projetos de educação informal, responsável pelo programa de mentoria, captadora de recursos para ONG no lixão, capacitação de liderança e protagonismo jovem, projetos de liderança feminina, protagonismo LGBT e negrxs. Facilitadora da Fundação estudar dos temas de liderança e autoconhecimento.

 

 

Oficina 6 // 15h – 19h
Empreendendo em turismo de base comunitária com Cosme Felippsen e Gabriela Palma

Quais são as tendências atuais em turismo? Como transformar as necessidades da comunidade local em oportunidade para o turista, você e os moradores? Mais do que paisagens bonitas e pequenas lembranças, o turismo de base comunitária surge como uma alternativa de negócio que oferece uma experiência com a ‘alma’ do lugar e as pessoas que o habitam. Mas para empreender no setor é necessário planejar com foco no mercado e não somente nas necessidades da comunidade.

Essa oficina vai apresentar casos bem sucedidos no setor e compartilhar ferramentas e estratégias para fazer seu negócio ser lucrativo, dinamizar a economia conservando os recursos naturais e culturais da sua região.

O que você leva?

  • Uma visão ampla sobre turismo por quem anda inovando na área
  • Ferramentas educacionais para ajudar a promover o seu negócio junto ao setor
  • Conhecimento sobre as últimas tendências no comportamento do turista


Pra quem é?

  • Já é empreendedor no mercado de turismo e deseja inovar em seu negócio
  • É interessado em desenvolver novos negócios com foco no patrimônio local
  • É um agentes direto ou indireto que se beneficia do desenvolvimento do trade turístico


Sobre os facilitadores:
Cosme Felippsen
Perfil: https://www.facebook.com/cosme.felippsen

Para quem tinha crescido no Morro da Providência, ser favelado era uma definição geográfica. Mas, para os colegas do Cosme Felippsen no primeiro emprego como guia turístico, a palavra tinha outro significado. “Favelado era sinônimo de barraqueiro, maconheiro, vagabundo.” Para rebater esse estigma ele criou o Rolé dos Favelados, série de tours pelas comunidades cariocas guiados pelos próprios moradores. O objetivo é trazer o morador do asfalto ou de outra favela para descobrir um território até então desconhecido na sua própria cidade. Cosme já fazia o trabalho há três anos com sua agência Providência Turismo, onde juntou a formação como guia turístico e a experiência de ter crescido no Morro da Providência. Por enquanto, os rolés que começaram na Providência já tiveram edições na Maré e no Santa Marta. Os próximos serão no Alemão, na Vila Autódromo e na Babilônia. Todos lugares onde a falta de empatia entre o estado e a favela causam tragédias diárias. Para Cosme, mudar essa situação começa por conhecê-la de perto.

Gabriela Palma
Perfil LinkedIN https://www.linkedin.com/in/gabriela-palma/

Gabriela Palma é pós graduada pela FGV em Gestão Empresarial. Apaixonou-se pelo turismo depois de uma viagem à Europa. Voltou e construiu um dos blogs de maior sucesso, o Gaby pelo Mundo. É Instrutora de turismo do SENAC e fundadora da Sou+Carioca/Sou+Viagens, empresa de turismo voltada ao residente na cidade do Rio de Janeiro. Sua proposta para turistas no site Airbnb é a segunda mais procurada do Brasil e ela acaba de ser convidada pela empresa para falar do turismo de experiência na sede de São Francisco, EUA.

Serviços:

Maratona Rio Criativo: Inovação e criatividade em Santa Cruz: novos negócios locais

Dias:21, 22 e 23 de março (quinta, sexta e sábado)

Local: Núcleo de Orientação e Pesquisa Histórica de Santa Cruz

Endereço: Rua das Palmeiras Imperiais – Santa Cruz

Inscrições: riocriativo.com

Entrada gratuita.